quinta-feira, 22 de abril de 2010

Sorte ou Azar?

video

A face oculta

video

Dia Mundial da Terra

O Dia da Terra foi criado em 1970 quando o Senador norte-americano Gaylord Nelson convocou o primeiro protesto nacionalcontra a poluição. É festejado em 22 de abril e a partir de 1990, outros países passaram a celebrar a data.
Há 400 milhões de anos a Pangéia reunia todas as terras num único continente. Com o movimento lento das placas tectônicas (blocos em que a crosta terrestre está dividida), 225 milhões de anos atrás a Pangéia partiu-se no sentido leste-oeste, formando a Laurásia ao norte e Godwana ao sul e somente há 60 milhões de anos a Terra assumiu a conformação e posição atual dos continentes.
Para mantermos o equlíbrio do planeta é preciso consciência dessa importância, a começar pelas crianças. Não se pode acabar com os recursos naturais, essenciais para a vida humana, pois não haverá como repô-los. O pensamento deve ser global, mas a ação local, como é tratado na Agenda 21.

"A luz das estrelas, o brilho do Sol e a grandeza dos astros estão a cima de nós, mas todos nós juntos somos maiores que o Universo, unidos por aquela que nos guarda e proteje seremos a coisa mais bela já vista"


22 de abril, Dia Mundial da Terra _Unidos pela Terra_

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Tiradentes

- Se dez vidas eu tivesse, dez vidas eu daria ao Brasil (Tiradentes).


TIRADENTES...!
(Osni Silva Júnior)


Olha, se "a força mata os homens, mas não mata as ideias".
TIRADENTES...
Morrestes na forca para demonstrar que as ideias dos inconfidentes...
Simplesmente não morreram...
TIRADENTES...
Do teu sacrifício desgraçado,
Ademais, se te levaram ao patíbulo, no Campo de São Domingos, no Rio de Janeiro,
O teu sacrifício não fora em vão...
Pois és o mártir desta bela Nação!
Há de ser dito - TIRADENTES... A TUA NAÇÃO!
Pisastes um a um, até finalmente chegares ao vigésimo quarto degrau...
OH! TIRADENTES!
Os teus perseguidores, te invejavam...!
Coberto pelo sol do meio-dia,
Tua cabeça sempre levantada,
Olhavas para o firmamento...
Mostrastes aos teus perseguidores...
Que eras uma figura emblemática...
Estavas tocado pelo - Espírito Santo...
O teu rosto refletia a mansidão cristã...
E morrestes sem um grito de revolta...
VIVA O GRANDE PATRONO CÍVICO DO BRASIL -(TIRADENTES)!
(www.poetasadvogados.com.br)

19 de abril - Dia do Índio

UMA HOMENAGEM A TODOS OS ÍNDIOS DO BRASIL

Somos filhos da terra cor de urucum.
Dos sons do igarapé e da força do jatobá.
Das águas do Araguaia, do Tapajós, do Iguaçu.
Somos filhos do sol de Kuaray, da lua de Jaci.
E da chuva que semeia o guaraná, a pitanga e o aipim.
Somos filhos dos mitos.
Do uirapuru e seu canto, do vento e do pranto.
Guerreiros, fortes, sábios.
Somos Ianomânis, Guaranis, Xavantes, Caiabis.
E o que somos nunca deixaremos de ser.
Uma homenagem para o dia 19 de abril o Dia do Índio. Abraços.

Autora: Zeli Poa
(Jornal Zero Hora)

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Sorte ou Azar?


A falta de sorte parece perseguir Jinx aonde quer que ela vá - e por isso ela está tão animada com a mudança para a casa dos tios, em Nova York. Talvez, do outro lado do país, Jinx consiga finalmente se livrar da má sorte. Ou, pelo menos, escape da confusão que provocou em sua pequena cidade natal. Mas logo ela percebe que não é apenas da má sorte que está fugindo. É de algo muito mais sinistro. Será que sua falta de sorte é, na verdade, um dom, e a profecia sob a qual ela viveu desde o dia que nasceu é a única coisa que poderá salvá-la?


Júlia Fonseca 7ºC

quinta-feira, 8 de abril de 2010

O Menino do Pijama Listrado

video

Sarau...

O que é um Sarau?

O Sarau é um evento cultural ou musical realizado geralmente em casas particulares onde as pessoas se encontram para se expressarem ou se manifestarem artisticamente. Um Sarau pode envolver dança, poesia, leitura de livros, música acústica e também outras formas de arte como pintura e teatro. Evento basicamente comum no séc XIX que vem sendo redescoberto por seu caráter de inovação, descontração e satisfação. Consiste em uma reunião festiva que acorre à tarde ou início da noite, apresentando concertos musicais, serestas, cantos e apresentações artísticas ou literárias...

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Desventuras em série

video

Inferno no colégio interno & Elevador Ersatz

Bruna Alessandra e Maria Lara

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Marcada

video
Síntese, curiosidades e recomendação.

domingo, 4 de abril de 2010

Síntese do livro "Cacos de Vida" , Sally Grindley


Na casa de Sandeep e Suresh moravam sua mãe, seu pai e sua vó por parte de pai. Uma mulher já de idade que vivia pegando no pé da mãe dos garotos. Seu pai tinha uma vida normal com um trabalho numa estação de trem. Eles têm uma vida normal. Mas tudo muda quando a vó dos garotos morre e seu pai perde o emprego e começa a beber. Ele começa a brigar com a mãe dos garotos e desaparece de vez em quando e um dos garotos Suresh acha que a culpa disso é deles e decide fugir pensando que vai melhorar a vida de seus pais.

Eles vão parar em uma cidade no centro da Índia e conseguem um lugar para dormir num terreno que eles dizem ser uma ilha e um dos garotos de rua da cidade Vikas os ajuda a conseguir comida nos primeiros dias e um emprego como catadores de lixo para os garotos.

Mas uma chuva muito forte chega a cidade e eles vão se abrigar numa estação de trem e um homem correndo deixa cair sua carteira com muito dinheiro e Sandeep acha essa carteira e mostra a Suresh que decide devolvê-la.

Ele olha o endereço dentro da carteira vai atrás do homem que a perdeu encontra sua casa e devolve a sua mulher que recompensa os garotos com um banho e uma refeição e garante a Suresh um bom emprego numa das empresas de seu marido.




sexta-feira, 2 de abril de 2010

Ativ. 29 - Exercício proposto - Criação - Desculpas

Estava eu, indo ao terraço do meu prédio. Nunca entendi porque minha mãe e eu moramos aqui, sei que o prédio é luxuoso e lindo, mas é muito grande só para nós duas. Eu gosto de ficar sozinha e pensar na vida, por isso venho sempre aqui, mas esse não é o motivo principal, tem também a vista maravilhosa, ainda mais a da piscina - eu acho que é por esse motivo que eu não peço para minha mãe para nos mudarmos - os meninos daqui são definitivamente perfeitos e em um dia de sol com vizinhos lindos, mais amigos deles que também não ficam para trás é indispensável.
Foi então que semana passada aconteceu uma experiência que eu quero esquecer. Vi o meu vizinho do sétimo andar nu, completamente nu. Na hora gritei, foi a pior coisa que eu poderia fazer, ele olhou. Congelamos no lugar, nenhum estava esperando a presença do outro, ninguém sabia o que fazer. Ele finalmente saiu do transe, e correndo procurou suas roupas, aparentemente ele não achou nada e sumiu. Fiquei lá parada, feito uma idiota. Tarde demais gritei "desculpas". Palavras vazias numa noite de luar...

Helena Cardoso